Gestão em Segurança Pública e Privada

Baseado em 4 avaliações
  • 96 Alunos matriculados
  • 870 Horas de duração
  • 13 Aulas
  • 12 Módulos
  • 13 Avaliações
  • 3 meses de suporte
Parcele em 12x R$ 125,00 (ou R$ 1.499,99 à vista)
Comprar Agora Dê um passo adiante em sua carreira!
"Eu agradeço, pelo conhecimento desse curso. 😃 Muito obrigado. "
Lucas
mais avaliações

Com certeza você que ingressou no Curso de Gestão em Segurança Pública/Privada já se imaginou trabalhando na esfera pública, nas áreas de segurança, em empresas privadas ou tem curiosidade de saber como funciona a administração de um país, se candidatando a cargos públicos.

Vamos elucidar você a entender melhor como é a carreira de um gestor público, o que faz após formado e como ela é hoje uma área excelente até para quem gosta de política e quer fazer a diferença na sociedade.

O curso de Gestão em Segurança Pública e Privada é considerado um dos mais importantes quando a pauta são políticas públicas de qualidade, suas práticas teóricas trazem ensinamentos fundamentais para o gerenciamento do dinheiro público de maneira responsável e eficaz, além de alinhar perfeitamente com o setor privado, habilitando o candidato a poder exercer várias funções em variados cargos.

Engana-se quem pensa que esse curso serve apenas para empresas públicas ou privadas, os fundamentos desse setor também são cruciais para instituições do terceiro setor e organizações não governamentais (ONGs), gerenciamentos de projetos, equipes de segurança e claro, além de todos os concursos que você poderá prestar.

Você já entendeu que o campo onde você pode atuar é vasto, porque quando falamos de áreas públicas, privadas, abrangemos vários setores que trabalham de forma interligada, vamos pontuar agora algumas das quais poderá exercer.

No setor público, alguns exemplos:

  • Hospitais públicos;
  • Escolas municipais e estaduais;
  • Órgãos públicos: prefeituras, Ministério Público, Câmara de Vereadores, Assembleia Legislativa, secretarias de Saúde, Esporte, Cultura, penitenciárias, ONGs, cartórios, entre outros;
  • Organizações sociais, como o SUS;
  • Programas sociais, como o Bolsa Família e o Minha Casa Minha Vida;
  • Institutos de pesquisa;
  • Órgãos de preservação ambiental.
  • Todos os concursos públicos que exijam nível superior para ingresso e posse.

No setor Privado, alguns exemplos:

  • Segurança Patrimonial
  • Segurança Pessoal Privada
  • Segurança Bancária
  • Transporte de Valores
  • Segurança para Eventos
  • Escolta armada;
  • Serviço de Inteligência;
  • Segurança do trabalho;
  • Segurança contra incêndio;
  • Segurança de condomínios;
  • Consultoria de Segurança Privada.
  • Gerenciamento de Equipes

Enfim, como você pôde perceber, o profissional de gestão pública/privada tem uma vasta lista de órgãos e cargos onde pode atuar, existem as empresas privadas e instituições terceirizadas, que prestam serviços em parceria com as organizações públicas ou dependem delas para colocar seus projetos em prática. É como um trabalho em equipe: o governo precisa de um auxiliar e a empresa privada de um mediador.

Para seguir carreira em qualquer uma das áreas que mencionamos aqui, é importante se qualificar, alinhar esse curso com outras formações, capacitações, por exemplo, para atuar no SUS, fazer um curso de Noções Básicas em Legislação do SUS, estudar constantemente e se atualizar quanto ao mercado de trabalho é um diferencial essencial, para qualquer profissional.

Viu como o Curso de Gestão em Segurança Pública e Privada, é uma excelente opção para ocupar cargos de nível superior, com confiança, benefícios e um salário maior?

E sabe o que é melhor, você pode fazê-lo em até 6 meses, conforme o seu desempenho, rotina e comprometimento!

Tá esperando o quê? Matricule-se agora!

Plantão de Vendas:

(62) 99450-8079

(62) 98417-5930

1 ano Sem tempo para fazer o curso agora? Não tem problema.
Você poderá participar desse curso até 1 ano após a matrícula.
Nenhuma descrição cadastrada.
Instituto Cesgo
""


Conteúdo Programático

Sobre os módulos de Noções de Direito Penal e Processual Penal, você verá de forma simplificada e resumida:

Parte I

• Infração penal: elementos, espécies
• Sujeito ativo e sujeito passivo da infração penal
• Tipicidade, ilicitude, culpabilidade, punibilidade.
• Imputabilidade penal.
• Concurso de pessoas
• Ação penal
• Extinção da punibilidade
• Lei de Execução Penal


Parte II

• Inquérito policial
• Ação penal
• Jurisdição e competência
• Exame de corpo de delito e perícias em geral
• Prisão em flagrante, preventiva e temporária
• Processo dos crimes de responsabilidade dos funcionários públicos
• Habeas corpus e seu processo
• Juizados especiais criminais
• Crimes Hediondos


 Informações para o aluno da plataforma:

• Antes de você começar suas aulas, é importante saber:

• Um vez iniciado o módulo, você não deve sair da tela de aula, iniciar e finalizar a vídeo aula até o fim, pois existe um tempo mínimo de permanência na aula, por isso tenha disciplina e foco nos ESTUDOS.
• Quando você finalizar sua vídeo-aula, fará IR PARA A PROVA, ao fazê-la, será mostrada sua nota no boletim, caso não atinja a média que é 6,0 ou 7,0 dependendo da disciplina, poderá refazer a prova mais duas vezes no máximo, esse acesso será liberado de forma imediata. Basta atualizar a página. (Dar F5)
• Ao concluir esse módulo, não terá mais acesso ao mesmo e o próximo abrirá após uma semana no mesmo dia e horário que você iniciou o anterior.
• Os módulos que são 3x1 , 2 x1 você assistirá duas/três aulas na mesma semana, finalizando após a última aula e prova.

• O Suporte Pedagógico funciona todos os dias das 09 às 18h (Segunda à Sexta) e aos sábados das 09 às 11:30h, ao chamar no Whats’App Pedagógico da Instituição, leve em consideração o tempo hábil de resposta, que é de até 24h após aberto o chamado.

• Seguindo todos essas regras, não haverá nenhum tipo de bloqueio do seu acesso, por isso, seja pontual, estude, baixe o material e leia o conteúdo, bem como assista do início ao fim todas as aulas.

  • 1. Aula Noções de Direito Penal
  • Avaliação de Direito Penal
Nesse módulo você verá de forma simplificada e reduzida:

• Inquérito policial
• Ação penal
• Jurisdição e competência
• Exame de corpo de delito e perícias em geral
• Prisão em flagrante, preventiva e temporária
• Processo dos crimes de responsabilidade dos funcionários públicos
• Habeas corpus e seu processo
• Juizados especiais criminais


  • 1. Aula de Noções de Processo Penal
  • Avaliação de Processo Penal
• Antes de você começar suas aulas, é importante saber:
• Um vez iniciado o módulo, você só terá duas pausas e existe um tempo mínimo de permanência nas aulas, por isso tenha disciplina e foco nos ESTUDOS, comece a assistir e vá até ao final.
• Quando você finalizar suas vídeo-aulas, fará IR PARA A PROVA, ao fazê-la, será mostrada sua nota no boletim, caso não atinja a média que é 7,0 poderá refazer a prova mais uma vez (imediatamente) basta atualizar a página.
• Ao concluir esse módulo, não terá mais acesso ao mesmo e o próximo abrirá após uma semana no mesmo dia e horário que você iniciou o anterior.
• O Suporte Pedagógico funciona todos os dias das 09 às 18h (Segunda à Sexta) e aos sábados das 08 às 11:30h, ao chamar no Whats’App do Instituto leve em consideração o tempo hábil de resposta, que é de até 24h após aberto o chamado.
  • 1. Aula de Língua Portuguesa
  • 2. Aula de Redação
  • Avaliação de Português e Redação
• Antes de você começar suas aulas, é importante saber:
• Um vez iniciado o módulo, você só terá duas pausas e existe um tempo mínimo de permanência na aula, por isso tenha disciplina e foco nos ESTUDOS, comece a assistir e vá até ao final.
• Quando você finalizar sua vídeo-aula, fará IR PARA A PROVA, ao fazê-la, será mostrada sua nota no boletim, caso não atinja a média que é 7,0 poderá refazer a prova mais uma vez (imediatamente) basta atualizar a página.
• Ao concluir esse módulo, não terá mais acesso ao mesmo e o próximo abrirá após uma semana no mesmo dia e horário que você iniciou o anterior.
• O Suporte Pedagógico funciona todos os dias das 09 às 18h (Segunda à Sexta) e aos sábados das 08 às 11:30h, ao chamar no Whats’App do Instituto leve em consideração o tempo hábil de resposta, que é de até 24h após aberto o chamado.
À direção do Instituto CESGO

____________________________________________________________________________________________________________

  • 1. Avaliação de Noções de Direitos Humanos
  • Avaliação de Noções de Direitos Humanos
  • 1. Aula de Noções Direito Administrativo + Noções de Administração Pública
  • Questoes de Direito Administrativo Noções de administração
  • 1. Raciocino Lógico - Noções Básicas
  • Avaliação de Raciocínio Lógico
  • 1. Direito Constitucional
  • Questões de Direito Constitucional
  • 1. Código de Transito - Sistema de Legislação de Transito
  • Questões de Código de Transito
  • 1. Criminologia
  • Questões de Criminologia
• Lei de Execução Penal - Lei 7210/84 | Lei nº 7.210, de 11 de julho de 1984

• A Lei 8.072/90 de Crimes Hediondos atualizada pelo Pacote Anticrime
  • 1. Legislação Penal Extravagante
  • Questões de Legislação Extravagante
• O que é ser Ético?

Nem tudo que eu quero eu posso; nem tudo que eu posso eu devo; e nem tudo que eu devo eu quero. Você tem paz de espírito quando aquilo que você quer é ao mesmo tempo o que você pode e o que você deve.” Mário Sérgio Cortella
• Ética é uma palavra de origem grega (éthos), que significa “propriedade do caráter”.
• Ética profissional é o conjunto de normas que formam a consciência do profissional e representam imperativos de sua conduta.
• Ser ético é agir dentro dos padrões convencionais, é proceder bem, é não prejudicar o próximo. Ser ético é cumprir os valores estabelecidos pela sociedade em que se vive.
O indivíduo que tem ética profissional cumpre com todas as atividades de sua profissão, seguindo os princípios determinados pela sociedade e pelo seu grupo de trabalho.
Cada profissão tem o seu próprio código de ética, que pode variar ligeiramente, graças a diferentes áreas de atuação.
No entanto, há elementos da ética profissional que são universais e por isso aplicáveis a qualquer atividade profissional, como a honestidade, responsabilidade, competência etc.
Os servidores públicos possuem um vínculo de trabalho profissional com órgãos e entidades do governo. Dentro do setor público, todas as atividades do governo afetam a vida de um país. Por isso, é necessário que os servidores apliquem os valores éticos para que os cidadãos possam acreditar na eficiência dos serviços públicos.
Existem normas de conduta que norteiam o comportamento do servidor, dentre elas estão os códigos de ética. Assim, é missão deles serem leais aos princípios éticos e as leis acima das vantagens financeiras do cargo e ou qualquer outro interesse particular.
As próprias leis possuem sanções e mecanismos que penalizam servidores públicos que agem em desacordo com suas atividades, um exemplo é a Lei de Improbidade Administrativa.
Os códigos de ética tanto o federal, estadual ou quanto os municipais, são um conjunto de normas que dizem respeito à conduta dos servidores dentro de seu serviço, além de penalidades a serem aplicadas pelo não cumprimento dessas normas. Ambos possuem uma Comissão de Ética responsável por julgar os casos referentes à ética no serviço público.
• O servidor público não poderá jamais desprezar o elemento ético de sua conduta.
A moralidade da Administração Pública é clareada no Código Ética Funcional, quando relata que aquela não deve se limitar somente com a distinção ente o bem e o mal. O fim almejado deve ser sempre o bem comum.
O agente público tem o dever de buscar o equilíbrio entre a legalidade e a finalidade na tentativa de proporcionar a consolidação da moralidade do ato administrativo praticado.
Os códigos informam os princípios e deveres dos servidores públicos como decoro, zelo, dignidade, eficácia e honra, além de outras qualidades do servidor, suas obrigações que visam o bem estar da população, bem como as proibições e punições derivadas do serviço irregular de suas funções, que relembram os princípios fundamentais da administração pública.
• Princípios Constitucionais: Art. 37, da Constituição Federal de 1988.
A administração pública direta e indireta de qualquer dos Poderes da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios obedecerá aos princípios de legalidade, impessoalidade, moralidade, publicidade e eficiência.
• Legalidade: também chamado de princípio do procedimento formal, é a conformidade dos atos e fatos com a lei, na consecução do interesse público. Só é permitido o que a Lei facultar.
• Impessoalidade: na Administração Pública não há vontade pessoal, há apenas o condicionamento à norma legal. O Administrador Público age em defesa dos interesses públicos coletivos, e nunca em seu interesse pessoal ou de apenas alguns a quem pretenda favorecer. As relações da sociedade se dão com os órgãos, não com os servidores.
• Moralidade: a moral administrativa exige a conformação do ato não só com a Lei, mas também com o interesse coletivo, inseparável da atividade administrativa, constituindo-se no pressuposto básico para a validade dos atos administrativos. Não se trata de moral comum, mas sim de uma moral jurídica. Ao legal, deve ser agregado o honesto e o conveniente aos interesses sociais e coletivos.
• Publicidade: é o princípio que se reconhece a obrigatoriedade da transparência. Corresponde ao direito que tem os cidadãos de conhecer os atos e ações do gestor público.
• Eficiência: é o mais moderno princípio. Foi inserido através da Emenda Constitucional nº 19/98. Consiste na imposição ao servidor público de desenvolver suas funções com competência e eficiência e não apenas dentro da legalidade, mas, também, apresentando resultado positivo de suas ações no atendimento ao cidadão.
Além destes princípios a Administração Pública deve atuar tendo em vista a eficácia, a racionalização, a presteza, a razoabilidade, a economicidade, a Probidade Administrativa (este princípio é obrigatório à ação do administrador público, vez que há normas éticas a acatar e reverenciar, sob pena de o administrador ser incompatibilizado para a função pública de que está investido).

Bibliografia: Augusto Dourado – Artigo – Ética no Funcionalismo Público
http://www.portaldoservidor.ba.gov.br/artigo-etica-no-servico-publico


  • 1. Ética no Funcionalismo Público
  • Questões de Ética
  • 1. Segurança Pública e Privada e Conceito e Atuação
  • Avaliação de Gestão Pública e Privada
  • Avaliação final de curso
Voltar ao topo